Header Ads

AGU entrega exames de coronavírus de Bolsonaro ao STF

A Advocacia-Geral da União (AGU) emitiu comunicado que confirma o resultado negativo dos exames para coronavírus do presidente Jair Bolsonaro. Após vai e volta de decisões judiciais, a AGU entregou nesta terça-feira, 12, ao Supremo Tribunal Federal (STF), os exames do presidente, que afirmava há meses ter feito dois testes, porém se recusava a mostrá-los.

De acordo com informações do portal G1, os exames foram entregues pessoalmente no gabinete do ministro Ricardo Lewandowski. Ele foi o sorteado pela Corte para decidir o pedido do jornal O Estado de S. Paulo, que requeria urgência na divulgação dos resultados.

"A Advocacia-Geral da União (AGU) informa que entregou ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, os exames realizados pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, para testar o contágio por Covid-19. Os laudos confirmam que o presidente testou negativo para a doença", diz nota.

O jornal paulista recorreu ao STF pedindo a anulação da decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de que o presidente não precisaria mostrar os resultados dos testes. Pedido dessa segunda-feira, 11, argumentou que não deve haver obstáculos à liberdade de imprensa, inclusive na obtenção de documentos de interesse público.

Após o jornal ter obtido na Justiça decisões garantindo o acesso aos laudos, o presidente do STJ, na sexta-feira, 8, atendeu o Palácio do Planalto e acatou recurso apresentado pela Advocacia-Geral da União, o que livrou Bolsonaro de divulgar os exames.

O POVO ONLINE


Tecnologia do Blogger.