Header Ads

JN STUDIO

Protesto contra impeachment ocupa ruas em Fortaleza

Manifestantes de Fortaleza realizam na noite desta quarta-feira (31) um protesto contra impeachment de Dilma Rousseff. O grupo se concentrou inicialmente, às 18h30, nas rua do Bairro Benfica e faz caminhada por ruas do centro da cidade. No protesto, estão presentes pessoas de diversos partidos políticos e entidade sociais. O ato ocupou as duas faixas da Avenida da Universidade e Jovita Feitosa em direção ao centro. A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania coordena o tráfego de veículo, mas orienta que motoristas os trechos na rota da manifestação.
O grupo saiu em passeata pela rua Marechal Deodoro e pela Avenida 13 de Maio, no sentido Aldeota-Benfica, passando pela Reitoria da Universidade Federal do Ceará e seguindo até o cruzamento das avenidas da Universidade e Carapinima.
De acordo com a Polícia Militar, a manifestação ocorre de forma pacífica e sem registro de ocorrências.
Os organizadores e a Polícia Militar não divulgaram estimativa de público presente.
Impeachment
O plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (31), por 61 votos favoráveis e 20 contrários, o impeachment de Dilma Rousseff. A presidente afastada foi condenada sob a acusação de ter cometido crimes de responsabilidade fiscal – as chamadas "pedaladas fiscais" no Plano Safra e os decretos que geraram gastos sem autorização do Congresso Nacional, mas não foi punida com a inabilitação para funções públicas. Com isso, ela poderá se candidatar para cargos eletivos e também exercer outras funções na administração pública.
os senadores ainda apreciaram se Dilma devia ficar inelegível por oito anos a partir de 1º de janeiro de 2019 e impedida de exercer qualquer função pública.
Na votação, 42 senadores se posicionaram favoravelmente à inabilitação para funções públicas e 36 contrariamente. Outros 3 senadores se abstiveram. Para que ela ficasse impedida de exercer cargos públicos, eram necessários 54 votos favoráveis.
Comemoração
Um grupo de manifestantes comemorou nesta quarta-feira (31) a cassação do mandato de Dilma Rousseff, em Fortaleza. Eles se reuniram na Praça Portugal, no Bairro Aldeota, por volta das 19 horas e se dispersaram às 21 horas. Ele também gritaram palavras de ordem contra o Partido dos Trabalhadores (PT) e o ex-presidente Lula.


Fonte: G1 Ceará
Tecnologia do Blogger.