Header Ads

Vendedor é condenado a 13 anos de prisão por matar jovem e divulgar vídeo nas redes sociais



Vítima de 17 anos teve os cabelos cortados e foi atingida por vários disparos de armas de fogo no Bairro Colônia, em fevereiro de 2018.

O vendedor de milho Francisco Caio Ferreira de Menezes foi condenado a 13 anos de prisão em regime inicialmente fechado. Ele é acusado de assassinar uma adolescente e divulgar o vídeo do crime nas redes sociais. A decisão foi proferida na noite desta segunda-feira (12) após oitos horas de sessão no Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza.

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Ceará (MPCE), o réu matou a adolescente de 17 anos em fevereiro de 2018. Para executar o crime, ele contou com a ajuda de dois adolescentes. Na ocasião, Caio levou a vítima até o Paredão do Mirante, situado nas proximidades da Avenida Vila do Mar, no Bairro Colônia, onde a jovem teve os cabelos cortados e foi atingida por vários tiros de arma de fogo.

Segundo o MPCE, o crime foi motivado por disputas entre facções rivais. A ação foi filmada e divulgada nas redes sociais.

O vendedor foi denunciado por homicídio duplamente qualificado: motivo torpe e emprego de tortura. Após ter a culpa reconhecida, o réu será encaminhado a uma unidade prisional do estado, onde deverá cumprir a pena de 13 anos de reclusão.

G1 -CE 



Tecnologia do Blogger.