Header Ads

Estudantes de 17 e 18 anos são assassinados a tiros a caminho de colégio no Ceará


Polícia investiga se crime foi motivado por disputas entre facções criminosas.

Dois jovens, de 17 e 18 anos, foram assassinados a tiros nesta terça-feira (2), quando se deslocavam para a escola onde estudavam no Bairro São Luís, em Morrinhos, distante cerca de 207 km de Fortaleza. Ninguém foi preso pelo crime, até o momento.

De acordo com a Polícia Militar, as vítimas, identificadas como Júlio César de Sousa Faustino, 18, e Francisco Jones Vieira Mota, 17, eram amigos e tinham saído juntos de suas residências, que ficam próximas a uma estrada. Eles caminhavam até o Centro do município para assistirem aula em um colégio da rede estadual, quando foram mortos.

O crime aconteceu por volta de 6h30. Testemunhas contaram à Polícia Militar que um veículo Fiat Siena, de cor preta, parou na estrada e três ocupantes desceram armados. O trio efetuou vários disparos contra os jovens, que morreram no local.

Disputa entre facções

A PM realizou buscas pela região, mas nenhum suspeito do crime foi localizado. A primeira suspeita da polícia é que o duplo homicídio tenha sido motivado por envolvimento da dupla com facções criminosas.

Os policiais que atenderam a ocorrência foram informados que os dois jovens eram usuários de drogas. Os jovens já tinham passagem pela polícia e respondiaa ato infracional análogo a roubo, quando adolescente.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou, em nota, que "a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia Regional de Acaraú, investiga o caso para descobrir a autoria e a motivação do crime".

Fonte: G1-CE
Tecnologia do Blogger.