Header Ads

Presos últimos envolvidos no latrocínio de estilista; adolescente é apontado como autor dos disparos



Os dois últimos autores do crime que matou a estilista Nayana Mara Costa Araújo, de 32 anos, foram presos nesta semana. Ao todo, três pessoas participaram diretamente da ação. E uma quarta ajudou na fuga. Adolescente de 15 anos é apontado pela Polícia Civil como o responsável pelos disparos contra a jovem. O crime ocorreu no dia 14 de maio, na rua Roquete Pinto, no bairro Parangaba. 

A conclusão do caso indica latrocínio, segundo as investigações. O grupo criminoso teria tentado roubar a mulher em busca de dinheiro para financiar o consumo de entorpecentes. Contudo, o assalto “deu errado” e ela foi assassinada, definiu o diretor da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Leonardo Barreto.  

Prisões
O último preso pela Polícia Militar foi Francisco Leopoldo Gomes Fiúza, 20, na quarta-feira, 25. O homem estava escondido na casa da mãe, no Ancuri. Ele cumpria medida alternativa à prisão, com uso de tornozeleira eletrônica, mas havia arrancado o equipamento. Segundo os investigadores, ele acompanhou o adolescente de 15 anos na abordagem à Nayana. De acordo com o diretor da DHPP, o adolescente responsável pelos tiros foi apreendido na última terça-feira, 24. 

Duas pessoas já haviam sido presas horas após a morte da estilista. Lucas Almeida Coelho, 23, teria conduzido o veículo até a rua onde ocorreu o crime, e o adolescente de 17 anos era encarregado de ajudar na fuga dos criminosos. Segundo Barreto, todos os adultos tinham histórico de prisões por roubo, tráfico e receptação de materiais roubados. E os adolescentes respondiam atos infracionais equivalentes. Eles atuavam na região onde o crime ocorreu. 

Fonte: O Povo
Tecnologia do Blogger.