Header Ads

Após quase 24h, caminhoneiros encerram protesto e desbloqueiam rodovia no Ceará


Manifestação começou por volta das 6h30 de segunda-feira (21). Caminhoneiros protestam contra aumento no preço do combustível.

O grupo de caminhoneiros que desde a manhã de segunda-feira (21) bloqueava a BR-020, entre Fortaleza e Maracanaú, deixou a rodovia e liberou o trecho por volta das 5h50 desta terça-feira (22). Os motoristas protestaram contra o aumento nos preços dos combustíveis.
Caminhoneiros de outros 19 estados e do DF também realizaram protestos. Após os protestos, os ministros Eduardo Guardia (Fazenda) e Moreira Franco (Minas e Energia) e o presidente da Petrobras, Pedro Parente, deverão se reunir nesta terça-feira para discutir a alta da gasolina e do diesel.
No Ceará, os manifestantes pararam os caminhões no acostamento da rodovia BR-020 e queimaram pneus na pista para impedir o trânsito. Com isso, caminhões e carretas ficaram impedidas de transitar pelo local.
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) enviou quatro equipes ao local para orientar o trânsito e também realizar desvios no tráfego. O órgão comunicou que foram realizados desvios para os caminhões em direção à cidade de Caucaia e também por vias locais em direção aos bairros da Pajuçara e Centro da capital.
Ainda assim. um congestionamento de cerca de cinco quilômetros se formou na rodovia por volta das 8h11, devido à manifestação.

Outros bloqueios
Além da BR-020, a PRF também registrou bloqueios na BR-116, no quilômetro 526, no município de Jati. O bloqueio teve início à tarde e durou até as 23h05, quando a interdição foi encerrada e a via totalmente liberada.


Um outro trecho, no km-201, município de Boa Viagem, também teve bloqueio total, mas já foi liberado.
Segundo Alcivan Fernandes, um dos organizadores do movimento, a categoria busca chamar atenção para a alta no preço do diesel e também para a necessidade de reajuste no valor dos fretes.


Fonte: G1-CE
Tecnologia do Blogger.