Header Ads

JN STUDIO

CNT/MDA: rejeição de candidatos supera 50%; Lula tem a menor e Aécio, a maior

Condenado pelo juiz Sergio Moro e alvo de várias denúncias no âmbito da Operação Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem a menor rejeição entre os prováveis candidatos à Presidência da República testados pela pesquisa CNT/MDA, divulgada nesta terça-feira, 19, pela Confederação Nacional do Transporte (CNT). Os números levam em conta apenas os entrevistados que dizem conhecer o respectivo candidato e revela que todos têm rejeição superior a 50%.
Neste caso, o levantamento feito pela instituição aponta que a rejeição de Lula é de 50,8%, contra 52,2% do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), o segundo colocado. A rejeição de Marina Silva (Rede) está no mesmo patamar que a de Bolsonaro, também em 52,2%. Em seguida aparecem o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), com 53,6% de rejeição; Geraldo Alckmin (PSDB), com 56%; Ciro Gomes (PDT-CE), com 64,2%.


Atingido pela delação da JBS, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) é o possível candidato com o pior índice "potencial negativo", como a CNT/MDA denomina a chamada rejeição dos candidatos. O mineiro é rejeitado por 72,5% dos entrevistados.


A 134ª pesquisa CNT/MDA foi realizada entre os dias 13 e 16 de setembro. Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 unidades federativas, das cinco regiões. A margem de erro é 2,2 pontos porcentuais, com 95% de nível de confiança.

Fonte: O Povo
Tecnologia do Blogger.