Header Ads

JN STUDIO

Polícia identifica e prende autor de disparo que matou PM reformado no Jardim Iracema em Fortaleza

Outros dois adultos foram presos na mesma ocorrência e autuados por porte ilegal de arma de fogo.
A polícia identificou e prendeu autor de disparo que matou o policial militar reformado no Jardim Iracema. O crime aconteceu no dia 6 de maio deste ano. A prisão do suspeito aconteceu, na última sexta-feira (18), durante uma abordagem da Polícia Militar, na Barra do Ceará, na qual o suspeito apresentou outro nome.
Segundo informações da polícia, no momento da prisão do suspeito, Argecilon Lucio de Sousa Monteiro de 18 anos, conhecido por "Pena" ou "Peninha", se apresentou como sendo Daniel Batista Alves e disse ter 17 anos. Ele e um adolescente de 15 anos foram capturados e autuados por roubo de veículo.
Outros dois adultos foram presos na mesma ocorrência e autuados por porte ilegal de arma de fogo. O quarteto estava com duas pistolas calibre .380 municiadas, um carro vermelho roubado, uma faca, duas balaclavas, celulares e uma quantia em dinheiro, quando foram abordados.
Investigações
Por meio de investigações da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Argecilon foi identificado como sendo o autor do tiro que matou o PM da reserva João Carlos Vasconcelos. No dia seguinte ao crime, um menor de 17 anos foi apreendido com três armas de fogo, entre elas a que pertencia a vítima e também um revólver calibre 32 utilizado no crime, no mesmo bairro onde ocorreu o latrocínio. Conforme levantado em investigação, o militar foi abordado por dois jovens armados em uma motocicleta, nas proximidades da casa dele. O PM foi rendido e baleado na nuca. A dupla levou celular e a arma da vítima.
Desde o crime, Argecilon se encontrava foragido e não possuía nenhuma identificação civil ou criminal, pois o suspeito só possui certidão de nascimento. Ele foi indiciado pelo latrocínio contra o agente de segurança e tinha antecedentes por tráfico de drogas e por ameaça.

Fonte: G1-CE 
Tecnologia do Blogger.