Header Ads

JN STUDIO

Grávida de 7 meses é presa suspeita de cometer assaltos e balear policial

A mulher e seu comparsa foram encaminhados para atendimento médico, junto com o policial militar
Uma mulher grávida de 7 meses e seu companheiro, um adolescente, foram detidos suspeitos de praticar uma série de crimes no Conjunto Industrial, em Maracanaú. Desde a manhã até a noite da quarta-feira (14), o casal teria praticado assaltos, feito um arrastão em um restaurante e baleado um sargento da Polícia Militar e uma universitária após troca de tiros com a Polícia. O casal também saiu baleado.
A mulher gestante recebeu atendimento no Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), contudo, pela situação de gestação, ela precisou ser encaminhada para uma unidade mais avançada de atendimento. Ambos são suspeitos de realizar vários assaltos durante todo o dia na área e, à noite, ainda realizaram um arrastão em um restaurante no local. Na fuga, colidiram de frente com uma composição policial, quando começou a troca de tiros.

De acordo com a reportagem do programa Barra Pesada, enquanto os suspeitos de cometerem o assalto recebiam atendimento médico, a população vibrava com a ação policial. O sargento da Polícia Militar e a universitária, não identificados, que também foram atingidos estão em observação e sem risco de morte.

Fonte: Tribuna do Ceará 
Tecnologia do Blogger.