Header Ads

JN STUDIO

Mulher é estuprada após ser mantida por duas horas no próprio carro

A vítima foi obrigada a dirigir da avenida Beira-Mar, onde foi abordada enquanto estacionava, até Caucaia, onde ocorreu a agressão sexual
Uma mulher foi estuprada após ser mantida por cerca de duas horas no próprio carro por um homem que a ameaçava com uma faca. O crime ocorreu enquanto a vítima, de identidade preservada, estacionava o carro na avenida Beira-Mar, no Meireles, na noite de quinta-feira, 10. O homem, que seria flanelinha no local, obrigou-a a dirigir até a Lagoa do Barro (em Caucaia, na Grande Fortaleza), onde ocorreu a agressão sexual. As informações são da Delegacia Metropolitana de Caucaia, onde foi lavrado o flagrante.


Ainda segundo o registro na delegacia, policiais militares (PMs) abordaram o carro em que os dois estavam, que coincidia com o veículo descrito em denúncia por telefone do caso à Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). A agressão sexual já havia sido consumada. O flanelinha Dalvan Nojosa da Silva, de 23 anos, foi preso em flagrante e confessou o crime, tendo sido reconhecido pela vítima. Dalvan ainda contou em seu depoimento estar sob efeito de entorpecentes no momento do crime.


A vítima já realizou exame de corpo de delito. Somadas, as penas máximas previstas aos crimes chegam a 18 anos.



Fonte: O POVO Online


Tecnologia do Blogger.