Header Ads

JN STUDIO

Milhares protestam contra Temer em Fortaleza e pedem novas eleições

Milhares protestam contra Temer em Fortaleza e pedem novas eleições
Organização estima cerca de mil pessoas presentes na manifestação.
Concentração começou às 16h Aterro da Praia de Iracema.

Milhares de manifestantes participaram nesta quarta-feira, 7 de Setembro, de protesto contra o presidente Michel Temer e por novas eleições. Os participantes classificam o impeachment de Dilma Rousseff como "golpe" e dizem que Temer "não tem legitimidade" para assumir o cargo.
A concentração do ato começou às 16h no Aterro da Praia de Iracema, na Avenida Historiador Raimundo Girão, e em seguida os manifestantes fizeram uma caminhada pelas ruas da Praia de Iracema. Durante todo o ato, que ocorreu até as 19h, o grupo gritou palavras de ordem como "fora, Temer" e "golpista".
A Polícia Militar acompanhou o protesto, que ocorreu de forma pacífica e sem registro de ocorrências até esta tarde. A PM não divulgou estimativa de público presente. Segundo os organizadores, cerca de 20 mil pessoas participam da caminhada.
Para a estudante Renata Sousa Michele, Temer não tem legitimidade para ser presidente da República. "Não reconhecemos um presidente que chegou ao poder por meio de um complô golpista contra a presidente Dilma, democraticamente eleita. Como o golpe foi consolidado, só novas eleições podem trazer estabilidade política, por meio de um presidente democraticamente eleito", defende a manifestantes.
Michel Ângelo Torres, estudante de direito, também defende novas eleições: "Temer não tem aceitação do povo e não joga o jogo da democracia, por isso reivindicamos novas eleições", afirma.



A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania também acompanhou o fluxo de veículos no entorno da Beira Mar, que teve as vias bloqueadas durante a passagem dos manifestantes. 

Fonte: G1-CE
Tecnologia do Blogger.