TAPERUABA NOTÍCIAS

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Em meio à severa crise, deputados aprovam aumento dos próprios salários e de Dilma.

A Câmara dos Deputados aprovou na tarde desta quarta-feira (17) um aumento de salário para os próprios parlamentares, para a presidente Dilma Rousseff, ao procurador-geral da República, além de ministros de Estado e do Supremo Tribunal Federal (STF).


O projeto ainda precisa ser confirmado pelo Senado. Ele concede um aumento salarial de 13% a todos esses servidores. Se passar na câmara alta, o salário da presidente Dilma e de ministros será de R$ 30,9 mil. Já a remuneração dos próprios deputados e senadores, além de magistrados do STF e do procurador-geral será de R$ 33,7 mil por mês. Ou seja, os deputados aprovaram um aumento de salário para eles maior do que o da presidente Dilma.
Hoje, Dilma recebe o mesmo vencimento dos parlamentares, R$ 26 mil, e menos que “companheiros” de toga da mais alta corte do país, cuja remuneração é de R$ 29,4 mil.


Além de acontecer em meio ao maior escândalo do país, a aprovação ignora o momento de crise fiscal pelo qual o país passa, em que o governo termina o ano sem cumprir as metas fiscais, e com o risco de ter déficit primário. O futuro ministro da fazenda, Joaquim Levy, avisou em entrevista à TV Globo que ele e o ministro Nelson Barbosa estão preparando um ajuste que será feito principalmente cortando gastos. Levy chegou a dizer: “estancando alguns”. Este, pelo visto, não poderá ser estancado.
Alias, pode sim. Se aprovado no Senado (o que deve ocorrer), ainda depende de sanção presidencial. A ver.


Fonte: Blog Matheus Leitão News.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

11 Fatos inusitados que aconteceu no Ceará em 2014 que só poderiam ter acontecido por aqui mesmo.

O ano de 2014 teve Copa do Mundo no Brasil e Eleições, o que por si só já o torna bastante significativo. No Ceará, especificamente, alguns acontecimentos, digamos, “fora dos padrões”, fizeram este ano ainda mais marcante: teve ladrão devolvendo moto roubada com bilhete desaforado, esqueleto encontrado dentro de uma rede, cortejo fúnebre ao som da “sofrência” do cantor Pablo e muito mais.
A Redação Web selecionou os fatos mais inusitados que aconteceram no Estado em 2014. Confira:

1. Ônibus circulando com catraca dupla em Fortaleza
Em novembro deste ano, dois ônibus da linha 645 – João Paulo II, passaram a circular com dupla catraca para evitar que passageiros pulassem e transitassem sem pagar tarifa. A foto do equipamento circulou mais que os dois veículos nas redes sociais e virou alvo de piadas dos internautas. Só no Ceará mesmo!


2. Jovem que foi enterrado ao som de “Porque Homem Não Chora” do cantor Pablo
O último desejo de um rapaz de 18 anos, morador do município de Caririaçu, foi ter como trilha sonora de seu enterro a“sofrência” do cantor baiano Pablo. Durante o cortejo fúnebre até o cemitério municipal onde o jovem foi enterrado, uma moto-som volante tocava “Estou indo embora agora/Por favor não implora/Porque homem não chora”, versos da música “Porque Homem Não Chora” do rei do arrocha.


3. Esqueleto que foi encontrado dentro de uma rede
Em agosto deste ano, um esqueleto foi encontrado dentro de uma rede no bairro Monte Castelo, em Fortaleza. Depois, descobriu-se que a ossada pertencia a Marcos de Souza Lima, de 41 anos, que, aparentemente, estava deitado na rede na hora de sua morte.


4. Ladrão que roubou moto, abandonou o veículo e ainda deixou recado desaforado para o proprietário
“Ajeita essa porqueira”. Foi esse o conselho que um assaltante que roubou uma motocicleta, em Russas, deu para o proprietário do veículo através de um bilhete. O bandido ainda reclamou que do jeito que a moto estava “não dava nem para fazer uma assalto” e sugeriu que o dono comprasse uma nova.


5. Axl Rose, do Guns N’ Roses, cantando com chapéu de cangaceiro
A banda de rock Guns N’ Roses fez show em Fortaleza no dia 17 de abril e os fãs foram surpreendidos por Axl Lampião Rose. Em determinado momento da apresentação, o vocalista resolveu usar um chapéu de cangaceiro para cantar a música “Civil War”. Épico!


6. Costarriquenhos reclamando do preço alto das prostitutas cearenses
Os preços “inflacionados” das prostitutas do Ceará desagradaram alguns costarriquenhos que vieram à Capital assistir aos jogos da Copa. Segundo eles, é mais fácil encontrar prostitutas baratas no Rio de Janeiro.


7. Outdoor anunciando “acompanhantes de luxo”
Um anúncio de entretenimento adulto em um outdoor na Avenida do Aeroporto, em Fortaleza, causou polêmica em maio deste ano. Enquanto alguns não viram problema na peça publicitária, que trazia o endereço do site onde garotas da Capital e de outros estados podiam ser contratadas, outros acharam tudo uma “falta de absurdo”.

8. Noivos se casando dentro de um shopping
Foi-se o tempo em que a igreja era o único palco para oficializar uniões entre casais. Em setembro deste ano, dois noivos  escolheram um shopping para trocar alianças e celebrar o amor em pleno horário de funcionamento do local.


9. Pedido de reconciliação no meio da rua
E por falar em amor, outro casal apaixonado foi um dos assuntos mais comentados nas redes sociais em outubro. O entregador de bebidas, Fábio Lima, se ajoelhou no meio da rua Marcos Macêdo, em Fortaleza, para pedir o perdão da amada, a servente Vanessa Sousa, que mesmo com raiva perdoou o namorado. 


10. Assaltante que teve a arma furtada durante assalto
A vida não é mesmo fácil. Dá até pra visualizar a cena: um ladrão tentou um assaltar pedestre, que reagiu e iniciou uma luta corporal com o bandido. Nesse meio tempo, a carteira da vítima caiu no chão e foi furtada por um outro assaltante que observava a situação. Como se não bastasse, o primeiro bandido ainda teve a arma furtada por uma quarta pessoa, enquanto continuava a disputa com a vítima no chão. Essa poderia ter acontecido em Brasília, mas foi aqui mesmo.


11. Detento que escreveu o próprio pedido de habeas corpus em um lençol
Para tentar conseguir a liberdade vale tudo, até escrever o próprio pedido de habeas corpus usando um lençol como papel. Hamurabi Simplício Contri da Silva, que cumpre pena por furto qualificado, encaminhou à ouvidoria da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE) o pedido escrito a próprio punho, alegando ter cumprido o que a Lei determina para ter direito à liberdade condicional.


Fonte: A Voz de Santa Quitéria.

Programas sociais elevaram renda dos mais pobres, diz o IBGE.

Dados da Síntese de Indicadores Sociais (SIS) divulgados nesta quarta-feira, 17, pelo InstitutoBrasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram o peso crescente do Bolsa Família e outros programas sociais no conjunto da renda dos mais pobres. Enquanto em 2013 o trabalho era responsável por 77,2% da renda da população total, nas famílias com renda per capita de até um quarto do salário mínimo o peso dos salários era bem menor, de 57%. Na outra ponta, as "outras fontes" (programas sociais, aluguéis, investimentos) representavam apenas 4,5% no rendimento do total da população e chegaram a 37,5% entre os muito pobres. Em 2004, as "outras fontes" representavam 20,3% do total de rendimentos das famílias de menor renda, ou seja, o peso quase dobrou em nove anos (aumento de 85%).

Como na população pobre praticamente não há renda oriunda de aluguéis e aplicaçõesfinanceiras, os programas sociais são os responsáveis pelas "outras fontes". Aposentadorias e pensões representavam, em 2013, 18,3% da renda do total de famílias brasileiras e apenas 5,5% dos extremamente pobres.

Os benefícios governamentais foram tema de duros embates na campanha presidencial. A situação acusava os adversários de planejarem o fim dos programas, e a oposição dizia que o governo se "contenta" com a transferência direta de dinheiro aos pobres. O período pesquisado pelo IBGE vai do segundo ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (2004) ao terceiro ano do governo Dilma Rousseff (2013), quando os programas sociais foram aprimorados e estendidos.

Embora os números mostrem o alto grau de dependência das famílias muito pobres dos programas sociais, técnicos do IBGE destacam que o aumento do peso dos benefícios no conjunto da renda das famílias pobres não significou abandono de emprego. "Houve uma reorganização das fontes de rendimento. A redução da participação do rendimento do trabalho não significa aumento da taxa de desocupação, tanto que os níveis de ocupação são crescentes no País. A ideia da transferência de renda é prevenir a situação da pobreza e ter oportunidade de, por exemplo, recusar trabalhos degradantes. A ideia da proteção social é que o bem-estar da família não seja dependente apenas do mercado de trabalho. Mas é claro que a renda do trabalho é bem maior e é muito melhor receber um salário do que o benefício da transferência de renda", diz a pesquisadora do IBGE Barbara Cobo.

O maior peso dos programas sociais está no Nordeste, região que concentra maior proporção de pobres. No Piauí, os benefícios já são mais da metade (53,2%) do conjunto da renda das famílias em que cada pessoa recebe até um quarto do salário mínimo (R$ 169,50 mensais em 2013). O trabalho tem peso de 45,5% na renda da população pobre do Estado. Aposentadorias e pensões representam 1,3%.
Ricos versus pobres
A SIS mostra que, apesar da redução da desigualdade, o abismo entre ricos e pobres diminui muito lentamente no Brasil. Os 10% mais ricos detêm 41,7% do total da renda do País, enquanto os 10% mais pobres se apropriam de apenas 1,2% do conjunto de rendimentos. Em um cenário totalmente igualitário, cada grupo teria 10% da renda total. Em 2004, as proporções eram de 45,3% para os mais ricos e 1% para os mais pobres.

Em 2013, os 20% mais ricos tinham renda média familiar de R$ 3.215 mensais por pessoa, 15,7 vezes maior que os R$ 204 mensais que cabiam aos 20% mais pobres. Ou seja: se poupassem toda a renda, os mais pobres levariam um ano e três meses para atingirem o ganho de um mês dos mais ricos.

A distância brutal se repete no acesso a bens. Enquanto apenas 19,6% dos mais pobres vivem em domicílios com computadores, a proporção chega a 81,6% entre os mais ricos. Menos de um quarto (23,9%) dos pobres vivem em residências com máquina de lavar, proporção que sobe para 86,6% entre os mais ricos. Fogão, geladeira e televisão são os bens duráveis mais "democráticos", presentes nas casas de mais de 90% da população, independentemente da renda.

Fonte: Diário do Grande ABC.

Estudantes cearenses são denunciados por fraudar o Enem.

Dois estudantes acusados de montar um esquema para acessar o conteúdo sigiloso no processo seletivo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), aplicado em novembro deste ano, foram denunciados Hoje (15) pelo Ministério Público Federal (MPF) no Ceará.

              A ação penal é assinada pelo procurador da República Celso Costa Lima Verde Leal, em Juazeiro do Norte, no Cariri cearense. De acordo com o procurador, os denunciados Bianca Miranda Matias e Valbert Souza Gomes contrataram um homem que, no segundo dia de aplicação da prova do Enem, repassou o gabarito do exame aos dois acusados, via celular.

                Segundo o MPF, em depoimento, um dos estudantes relatou que há alguns meses, em João Pessoa (PB), um homem lhe cobrou R$ 15 mil para fazer a fraude. Para viabilizar o esquema, o estudante se inscreveu no Enem como sabatista e tendo problemas de visão. Para isso, obteve um atestado médico assinado por Miguem E. Duran Navarro, no município de Porteiras (CE).

                 No dia do exame, o denunciado Valbert Gomes foi ao local da prova com um celular comprado exclusivamente para a fraude. Mesmo alertado de que não poderia ficar com o aparelho, ele manteve o celular ligado dentro de uma sacola. Já Bianca Miranda Matias usou dois celulares, um deles comprado por ordem de um homem que repassaria o gabarito. "Antes do início da prova, entregou apenas um celular, o de sua propriedade, mantendo o outro dentro de sua bolsa", disse o procurador Celso Leal, na ação penal.

                  Consta ainda da denúncia que, diante de um problema elétrico na sala de aplicação da prova, os dois estudantes denunciados tiveram de mudar de sala. Na saída do local de prova, ao serem revistados por policiais federais, foram encontrados os celulares com mensagens de texto que continham o gabarito da prova.

                   Na ação penal, o procurador Celso Leal pede a condenação dos dois réus pelo crime de fraude em certames de interesse público, que prevê pena mínima de um ano de reclusão.

                    O Enem foi aplicado nos dias 8 e 9 de novembro. Mais de 6,2 milhões estudantes fizeram as provas em mais de 1,7 mil cidades.

                     O caso de estudantes que receberam foto da página da prova com o tema da redação do Enem deste ano continua sendo investigado pela Polícia Federal.


Fonte: Ceará News 7.

CID ASSINA CONTRATO DE TRABALHO DE DOIS ANOS COM O BID.

O governador Cid Gomes quando voltou dos Estados Unidos, recentemente, disse a amigos ter assinado o contrato de trabalho com o Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID, a partir de janeiro de 2015, por um período de dois anos, prorrogável por mais dois.

Ao comunicar o fato, Cid reafirma o propósito de ficar um tempo fora do Brasil para, com o objetivo de ter uma visão globalizada do País, se aproveitando do acervo documental e as ações presenciais da Instituição em que vai trabalhar, sedimentando os conhecimentos e a versatilidade necessários às suas pretensões políticas. 


Fonte: Sobral de Prima.

Guarany de Sobral apresenta elenco para o inicio da temporada 2015 - Vai de Dida á Chilito, veja os nomes.

O Guarany de Sobral já está com seu elenco montado para a temporada de 2015, quando disputará no primeiro semestre a primeira divisão do Campeonato Cearense, e no segundo semestre, a Série D do Campeonato Brasileiro.

O novo Guarany foi apresentado na tarde da última segunda-feira (15), e terá como técnico o ex jogador Júnior Cearense, que também trabalhou como gerente de futebol, e como auxiliar técnico Teco-Teco.

Os jogadores recém-contratados:

GOLEIROS: Dida, Eliardo, Lucas;

LATERAIS: Cantareli Cearense, Eduardo, Johnny, Suzuki, Patrick Anderson;

ZAGUEIROS: Domingos, Everton, Ray, Daniel, Ruan; VOLANTES: Zé Augusto, Dudu, Arthur, China, Roberto;

MEIAS: Fernando Sobral, Tininho, Edinho, Elivelton, Patuta, Jean, Juninho Teco; 

ATACANTES: Fábio Saci, Marciel, Zé Willian, Sávio, Diego Cearense, Lira, Olivando Filho, Chilito.

Completam a relação da comissão técnica: Gadelha (Coordenador); Mardônio (Preparador físico), Valmir (auxiliar), Amaral (prep. de goleiros), Vovô (massagista) e Darlan (mordomo).


Fonte: Sobral em Revista.

GILMAR BASTOS VOLTOU A COMENTAR SOBRE POSTE NA FRENTE DA CASA DOS PAIS DO PREFEITO DE SOBRAL.

O vereador Gilmar Bastos voltou a tribuna da Câmara de Vereadores na sessão de terça-feira, para tentar explicar melhor sobre o que havia dito no dia anterior a respeito que na casa dos pais do prefeito Veveu Arruda, existe um poste de iluminação pública onde mesmo fornece também energia para o jardim da residência. “Eu não cheguei a dizer que estava acontecendo roubo de energia como foi comentado por todo dia de hoje. Falei que estava havendo privilégios”, disse Gilmar, acrescendo que é totalmente contra essa prática de favorecimento.

Gilmar também chegou a criticar a forma como a vereadora do PT e líder do prefeito naquela Casa Legislativa se posicionou a respeito do assunto. “Acho que vossa excelência deveria ser líder do governo e não prefeito da forma como a vossa excelência defende o gestor deste município”, se reportou Gilmar Bastos.

Para o vereador o assunto só foi levado a Câmara, porque ele (Gilmar) entende que em muitos bairros da cidade não tem esse privilégios e chaga até a faltar energia. 

Na opinião do parlamentar municipal esse privilégio deveria ser dado apenas dentro do município de Sobral, e levantou a informação de o gestor do Município, no caso Veveu Arruda, usa os Guardas Municipais para vigiar sua casa na Serra de Meruoca, já fora dos limites de Sobral, o que para Gilmar Bastos é um absurdo. Quero que me entenda que não estou dizendo que Veveu está agindo de forma desonesta, apenas está sendo privilegiado”, completou Gilmar Bastos.

na rede social, Luciano Arruda Filho comentou sobre o tema abordado pelo vereador Gilmar Bastos: "A que ponto chegou a leviandade e a irresponsabilidade desse vereador. Acusar meus pais - já beirando os 84 anos de idade - "de furto de energia elétrica" ?? É assim mesmo, um vale tudo ??"


Fonte: Blog Wilsom Gomes.

GLOBO RECEBE MAIS DE 5 BILHÕES DO GOVERNO FEDERAL: BARÕES DA MÍDIA COMANDAM PUBLICIDADE OFICIAL.

Uma reportagem publicada nesta quarta-feira Folha de S. Paulo revela o valor investido pelas empresas estatais em publicidade nos últimos anos. Entre 2000 e 2013, foram R$ 15,7 bilhões.

A boa notícia é que, nos governos Lula e Dilma, houve maior desconcentração dos investimentos publicitários. Até 2003, pouco mais de 4 mil veículos de comunicação recebiam investimentos em mídia. Este número atingiu seu recorde em 2013, quando 10.817 veículos, incluindo jornais e rádios regionais, foram beneficiados.

A má notícia é que ainda persiste grande concentração dos recursos em empresas ligadas às chamadas famílias midiáticas, como os Marinho, os Civita, os Mesquita e os próprios Frias, que editam a Folha.

O caso da Globo é o mais gritante. Nada menos que R$ 5,3 bilhões foram investidos em veículos ligados aos irmãos Marinho, como a TV Globo, a Radio Globo, a Editora Globo, que publica Época, e o jornal Valor Econômico (uma parceria com a Folha).
Em seguida, aparecem outras emissoras de televisão, como a Record, do bispo Edir Macedo (R$ 1,3 bilhão), o SBT, de Silvio Santos (R$ 1,2 bilhão), a Bandeirantes, de Johnny Saad (1 bilhão).

Os jornais, liderados pela própria Folha, também receberam uma parcela importante do investimento publicitário. A Folha teve R$ 206 milhões, seguida do Estado de S. Paulo, com R$ 179 milhões. Nas revistas, destacam-se Editora Abril, com R$ 523 milhões, e a Editora Três, que edita Istoé, com R$ 179 milhões. A Editora Confiança, que publica Carta Capital, recebeu R$ 44 milhões.

Politização da internet

No capítulo internet, a Folha politiza a questão, vinculando investimento publicitário a um suposto alinhamento editorial. Um dos veículos citados foi o 247, que foi procurado pela jornalista Flavia Foreque. Na tarde de ontem, ela enviou a seguinte mensagem ao jornalista Leonardo Attuch (editor-responsável pelo 247):

Oi  Leonardo, 

Como falei há pouco, estamos fazendo reportagem sobre o volume e destinação da verba de publicidade das estatais federais entre 2000 e 2013.

O total recebidos pela 247 no período foi de R$ 1,71 milhão, em valores correntes de 2013, segundo dados das próprias empresas (R$ 220 mil 2011, R$ 407 mil em 2012 e R$ 1,087 milhão em 2013).
Gostaria de fazer as seguintes perguntas:

1.Congressistas da oposição afirmam que o governo e o PT financiam sites e publicações favoráveis a eles e críticos à oposição. O repasse da verba citado acima exerce alguma influência sobre a linha editorial ou os posicionamentos do veículo?

2.Os recursos de publicidade repassado pelas estatais -aliado a eventuais repasses de órgãos da administração direta - foram a principal fonte de receita da 247? Quanto essa receita representa em relação ao total?
Peço um retorno até as 19h desta terça-feira (16).

Obrigada desde já
Flávia

A resposta encaminhada pelo 247 foi a seguinte:

"A relação comercial entre os veículos de comunicação e seus anunciantes é de natureza privada. Assim como o 247 não revela as negociações com seus clientes, em razão do sigilo comercial, também não questiona o valor destinado a outros veículos de comunicação, como a Folha. De todo modo, informamos que a principal fonte de receita do 247 é o anunciante privado. Os anunciantes que veiculam no 247 buscam atingir uma audiência ampla (mais de 4 milhões de visitantes únicos/mês e 581 mil seguidores no Facebook) e também influente, sem qualquer contrapartida na linha editorial, que é independente."

A reportagem desta quarta-feira ampliará o debate no País sobre a necessidade de desconcentração dos investimentos publicitários e de uma Lei de Meios, que evite excessivo poder nas mãos de poucas famílias, que não controlam mais a informação no País, mas são saudosas de um passado em que havia menor competição.

Fonte: Brasil 247.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Cid Gomes poderá ser ministro afirma site de notícia.

Convite para que o governador cearense assuma um cargo no Governo Federal teria sido oficializado durante encontro na Capital Federal.

           Cid Gomes (PROS), governador do Ceará, foi recebido pela equipe de articulação política da presidente Dilma Rousseff (PT),no Palácio do Planalto, em Brasília (DF), na tarde desta terça-feira (16). No encontro, foi oficializado o convite para que o cearense integre a equipe de governo no novo mandato da petista. A presidente, que cumpre agenda na Região Sul do País e se prepara para uma viagem oficial à Argentina, não participou da reunião.

           Segundo interlocutores, a convocação foi aceita. No entanto, o ministério a ser comandado por Cid não foi revelado. As últimas indicações eram de que ele assumiria o lugar de Henrique Paim na pasta da Educação.

          A equipe de reportagem do portal Ceará News 7 tentou, sem sucesso, entrar em contato com a assessoria de Cid, para saber mais sobre a mudança de planos do governador, que estava de malas prontas para se mudar para Washington (DC), nos EUA, e fechar um contrato de trabalho com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

            A lista oficial dos novos membros do Poder Executivo, que assumirão os cargos a partir do dia 1º de janeiro de 2015, deve ser divulgada até a próxima segunda-feira (22), na semana de trabalhos do Congresso Nacional, antes do recesso parlamentar.


Fonte: Ceará News 7.

Por que Xuxa foi dispensada.

Xuxa foi demitida pela internet.

             A Era Digital acabou com os tempos em que a Globo, ou qualquer empresa tradicional de mídia, podia se dar ao luxo de pagar salários extravagantes a gente que não vai ser aproveitada.
A Globo fez isso por anos, décadas, mas agora a realidade é muito mais desafiadora.
A questão dramática, para o futuro da Globo, está na receita publicitária, que é responsável por praticamente 100% de seu faturamento.
Os anunciantes estão migrando em velocidade cada vez maior das mídias convencionais – incluída a tevê – para a internet.
Na Inglaterra, um levantamento mostrou que pela primeira vez na história em 2015 a fatia da internet no bolo da propaganda será maior do que todo o resto junto – jornais, revistas, rádios, tevês etc.
No mundo, a internet já é a segunda maior mídia em faturamento publicitário, pouco atrás da tevê. A diferença é que a internet cresce aceleradamente enquanto a tevê está estagnada.
Neste ambiente, não surpreendeu uma previsão do presidente da Netflix. Segundo ele, em 2030 a tevê como conhecemos terá desaparecido.
Com suas receitas altamente ameaçadas, a Globo tem que se defender ferozmente nas despesas.
É dentro dessa lógica que se deve compreender a decisão de levar Jô para um estúdio mais barato, sem plateia, e talvez também sem o sexteto.
Xuxa não dá mais Ibope, foi a alegação da Globo, disse o site Notícias da Tevê. Mas quem dá?
Todos os programas da Globo batem sucessivos recordes de pior audiência da história da emissora, do Jornal Nacional ao Fantástico, do Faustão às novelas.
O faturamento publicitário da Globo, hoje, é absolutamente incompatível com sua audiência. A Globo vem cobrando mais caro dos anunciantes por uma entrega para cada vez menos pessoas.
Isso se explica, em boa parte, a uma invenção de Roberto Marinho chamada Bônus por Volume, o BV. As agências recebem bonificações caso optem pela Globo.
A maior parte das agências depende, hoje, do BV da Globo. E então elas se empenham, junto aos clientes, para anunciar na Globo.
Mas é uma questão de tempo que os clientes se insurjam contra isso. Ninguém gosta de colocar cada vez mais dinheiro num meio cada vez menos visto.
É provável que, como aconteceu com as revistas, algum grande anunciante saia da Globo, num futuro bem próximo, e carregue com ele o chamado efeito manada.
A internet jamais trará à Globo o dinheiro e a influência da tevê: é um meio fragmentado, em que a vantagem competitiva é dos nativos, e não das grandes companhias.
A Globo é a Abril amanhã, um colosso lutando pela sobrevivência numa paisagem inóspita e potencialmente letal.
Para retardar a queda, porque evitá-la é impossível, resta trabalhar obsessivamente na coluna de custos.
É aí que se encaixam Xuxa, Jô e muitas coisas que fatalmente ocorrerão daqui para a frente.
Fonte: Diário do Centro do Mundo.

CONSELHO DE ÉTICA INSTAURA PROCESSO DE CASSAÇÃO CONTRA BOLSONARO.

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar instaurou hoje (16) processo de cassação contra o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). O presidente do colegiado, Ricardo Izar (PSD-SP), informou que até amanhã (17) definirá o relator do caso. O escolhido será sorteado entre os deputados Ronaldo Benedet (PMDB-SC), Marcos Rogério (PDT-RO) e Rosane Ferreira (PV-PR).
A representação contra o parlamentar foi apresentada na última quarta-feira (10) pelo PT, PCdoB, PSB e Psol, que acusaram Bolsonaro de quebrar o decoro ao ofender a deputada Maria do Rosário (PT-RS). Durante pronunciamento no plenário da Câmara, o deputado disse que não estupraria Maria do Rosário "porque ela não merece". A agressão ocorreu após a deputada comentar o relatório final da Comissão Nacional da Verdade.
Em breve defesa prévia, Bolsonaro afirmou que também ficou ofendido com as "acusações" contra os militares. "Sou capitão do Exército", justificou. Segundo ele, não houve um fato novo no episódio da última semana. Ele afirmou que, após ouvir as "ofensas" da deputada gaúcha, apenas lembrou, na Tribuna, de um fato ocorrido em 2003, quando, ao conceder entrevista para defender seu ponto de vista sobre a redução da maioridade penal, Maria do Rosário o acusou de estuprador.
“Apesar do homem ser mais insensível à provocações, ela me chamou de estuprador. Mostrei as fitas. Ela estava defendendo o Champinha, que havia estuprado e assassinado uma menina de 16 anos em São Paulo. Não tenho culpa se ela não gostou dos argumentos que usei com a Rede TV. Ela interferiu numa entrevista e acabou se vitimizando”, lembrou.
Bolsonaro disse que não se arrepende, mas que “faria diferente muitas coisas. Muitas vezes, começamos a namorar uma pessoa e depois nos arrependemos .É natural”. Ao se defender, ele reconheceu que a Câmara merece respeito, mas alfinetou: “ Isto aqui também está longe de ser um convento”.
Ele evitou fazer previsões sobre o parecer do Conselho de Ética, mas se mostrou otimista quanto a decisão no Supremo Tribunal Federal (STF), que, esta semana, recebeu denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) por incitação ao crime de estupro.
“O artigo 53 da Constituição diz que os parlamentares são invioláveis, civil e penalmente, por quaisquer palavras, opinião e voz. A PGR não julga, denuncia. Essas imagens, caso o ministro Fux, do STF, leve adiante, tenho quase certeza de que ele optará pelo arquivamento”, afirmou.
Na sala do Conselho, o deputado recebeu apoio de algumas pessoas que acompanhavam a instauração do processo. Entretanto, do lado de fora do Congresso um grupo protestava contra a conduta de Jair Bolsonaro. Na carta encaminhada ao presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), os manifestantes se declaram representantes da sociedade civil e de movimentos sociais e pedem a punição do deputado.
“Não é admissível que um representante político assuma, mais de uma ez, postura criminosa diante dos demais parlamentares, do país e continue sem qualquer punição. Não é admissível que a imunidade sirva à impunidade. Há anos o Brasil e o mundo assistem seus discursos preconceituosos, que, claramente, incitam o ódio e a violência contra as mulheres e, de maneira semelhante, contra grupos sociais historicamente marginalizados”, destacaram os manifestantes.
Jair Bolsonaro foi reeleito em outubro deste ano para o sétimo mandato no Congresso Nacional. Ele reelegeu-se com 464.418 votos.
Fonte: Brasil 247.

Com emendas, criação da Contribuição de Iluminação Pública é aprovada na Câmara de Sobral.

A Contribuição de Iluminação Pública (CIP) foi aprovada em primeira votação na Sessão Ordinária desta segunda-feira (15) com o voto contrário de cinco vereadores – Gegê Romão, Gilmar Bastos, Adauto Arruda, Fransquinha do Torto e Paulo Vasconcelos. Os vereadores Fredim e Chico Jóia não compareceram a votação.

A Comissão de Constituição e Justiça, presidida pelo vereador Carlos do Calisto, com relatoria de Júnior Balreira, acatou emendas apresentadas pelos edis Gilmar Bastos e Rogério Arruda, e descartou emendas apresentadas por Chico Jóia, Gegê Romão e Júnior Balreira.

Pelo novo texto, que precisa ser votado em sua complexidade para só então ser enviado para sansão ou veto do prefeito Veveu Arruda, prevê que os consumidores que gastam até 500khw não terão alterações nas suas contas. Foram criadas faixas que variam de 501 a 750khw; de 751 a 1000khw; e acima de 1000khw. Também ficou estabelecido que a taxa mensal da CIP não poderá ultrapassar R$ 250,00.


Fonte:  Sobral em Revista.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cheap international calls